Mostrando postagens com marcador Destaque. Mostrar todas as postagens

Os 7 Estilos Universais!

Você já sabe qual é o seu estilo? A seguir um resumo ilustrado de cada um dos 7 estilos universais. Vem comigo:


A teoria do Estilo Universal foi desenvolvida por Alyce Parsons e Diane Parente e descreve a combinação de estilos que melhor refletem uma pessoa, através das carateristicas bem definidas e sete padrões.

Geralmente apresentamos caracteristicas de até 3 dos estilos, sendo um estilo predominante e 2 complementares. Em meu atendimento utilizo desta teoria para ajudar minhas clientes a identificarem em quais estilos elas mais se enquadram para a partir daí, trabalharmos no aprimoramento do estilo pessoal.


Primeiro é importante que vocês entendam que Estilo é marca pessoal, roupas, acessórios, maquiagem, cabelo, postura, que refletem quem você é, a sua personalidade, seus valores, preferências, objetivos e estilo de vida.

E saibam, não existe um estilo errado e sim um estilo que melhor se adequa a cada ser em sua individualidade.

Interessada? Veeem comigo! ;)

Selecionei 4 looks para cada estilo para ilustrar de forma mais prática e uma sucinta descrição de cada estilo para que vocês tenham uma noção do que cada um se trata. 



Clássica / Tradicional  
Normalmente a mulher clássica/tradicional é reservada, serena, confiante, porém conservadora e rídiga. 
Não gosta de atrair atenção principamente pelas roupas que usa. Geralmente organizada, não tem nenhum ou pouco interesse por moda. Formas simples, clássicas, linhas retas, sem detalhes ou muito sutís.



Esportivo / Natural / Básica
Mulheres com esse estilo são práticas, amigáveis, divertidas, alegres e despretenciosas. Priorizam conforto. Gostam de peças informais e casuais que permitam conforto até mesmo quando o assunto é calçado. Mulheres naturais só usam roupas formais quando realmente é preciso, mesmo assim optam por peças simples com poucos acessórios.






















Romântico
Extremamente feminina, delicada, frágil e juvenil. Quem se identifica com esse estilo usa muita pérola, renda, floral e bolsas e sapatos arredondados. Cores claras, sutís, leves, sem contraste, cores monocromáticas. Tecidos suaves, fluídos, texturas leves, semi-opacas.

























Criativo
Busca sempre um estilo único e marcante, que reproduza uma imagem de força. Mesmo no dia a dia, consegue atrair olhares devido ao estilo exclusivo que possui. Mix de tecidos, estampas, 1 a várias cores, incomuns, sobrias, néon, variedade, combinações opostas.

























Elegante /Contemporâneo /Refinado
Passa uma imagem refinada e imponente, status e prestígio. Aparência impecável e bem sucedida. É culta, meticulosa, reservada e agradável. Opta sempre por um look clássico e formal, linhas simples e sem excessos, detalhes mínimos e discretos. Caimento perfeito. Cores monocromático e tom sobre tom, claras e escuras, neutras e discretas. Tecidos refinados e luxuosos, levemente estruturados, com fluidez e pouco brilho.























Dramático/Urbano (Moderno)
Inovadora, desafiadora, forte, adora ser notada e correr riscos, sofisticada, poderosa, intimidante, distante, intensa, exigente, moderna e sofisticada. Gosta de ângulos, linhas retas, estruturado, poucos detalhes, formas exageradas, rígido e arquitetural. Cores em contrastes, claras ou escuras, fortes e vivas.   

























Sensual
Sedutora e glamurosa, sensual, atraente, excitante, provocante, insinuante, ousada e desinibida.  Exibe ou marca o corpo, poucos detalhes, tecidos não estruturados, justos, marca cintura, ombros ampliados. Quebra de cor na cintura, cores claras e escuras, fortes e chamativas.

Agora que ja sabem quais são os estilos universais, ficou mais fácil identificar em qual deles vocês se encaixam não é mesmo? Caso tenha ficado alguma dúvida ou queira entender melhor sobre como aprimorar o seu estilo pessoal, entre em contato. Será um prazer te ajudar. ;) 

beijo,

Fe Cardoso

Para quem é a Consultoria de Imagem e Estilo?




Olá meninas!!

Hoje eu vim desmitificar um pouco a profissão do Consultor de Imagem e listar para vocês quem poderia contratar os serviços de uma consultora, ou seja os meus serviços, no caso estou priorizando atendimento para mulheres, mas serve para os homens também sem sombra de dúvidas.

A Consultoria de Imagem e Estilo é uma área que envolve vários estudos e serve para auxiliar pessoas a se autoconhecerem para então alinhar a imagem a personalidade. 

É um trabalho profundo, baseado em vários estudos, ou seja nada futil como talvez alguns pensem e não é só pra pessoas ricas, pessoas famosas, e vai além de aprender a se vestir ou até mesmo comprar roupas. E eu, Fe Cardoso quero ser sua consultora pessoal, com você e para você. 

A Consultoria de imagem e estilo é feita através das seguintes etapas que são:

Análise corporal e facial;
Análise de estilo e identidade visual;
Análise de coloração pessoal;
Closet clearing;
Personal Shopper; (se necessário, porque as vezes você ja tem tudo que precisa no seu guarda-roupas, só falta aprender usar de diferentes formas)
Montagem de looks;
Apresentação do seu guia de estilo;

Estas etapas podem ser contratadas em um pacote ou depois de nossa primeira conversa posso indicar os serviços mais indicados conforme sua necessidade.

Mas Fe, para quem são os seus serviços?

Para qualquer MULHER que queira trabalhar a sua imagem pessoal ou que se identifique nos exemplos abaixo:

- Para você que tem preguiça de pensar no que vestir pra trabalhar todos os dias de manhã;

- Para você que teve bebe e o corpo mudou e você esta em dúvida se assume o atual corpo ou se luta como nunca pra entrar de novo em todas as suas roupas de antes do bebe.
(ja passei por isso!!)

- Para você que passa por uma transição, carreira, vida, ou procura um novo emprego e percebe que não sabe alinhar sua imagem para se adequar a sua nova fase.

- Para você que foi promovida e sente que precisa melhorar sua imagem e comunicação para passar mais confiança e credibilidade na nova função (você sente que não te respeitam).

- Para você que mudou de país, de profissão, de marido ;))

- Para você que emagreceu super e ainda não assimilou o novo corpo, ainda compra/veste roupas maiores que seu atual corpo.

- Para você que quer aprender a coordenar cores.

- Para você que passa por um rompimento no relacionamento e esta com baixa autoestima.

- Para você que busca um relacionamento ou melhor se relacionar com as pessoas. 

- Para você que engordou e esta com baixo autoestima. 

- Para você que sempre foi gordinha mas não sabe valorizar seus pontos fortes.

- Para você que esta mudando de fase 30 para os 40 para os 50... anos e sente que precisa dar uma atualizada no visual.

- Para você que sempre usou uniforme no trabalho e com isso nunca se preocupou com o que vestir, mas agora não vai mais usar uniforme e sente que não sabe por onde começar moldar um estilo que fale quem você é.

- Para você que tem um guarda-roupas cheio e não consegue se vestir bem, acaba usando as mesmas peças e/ou as mesmas combinações sempre.

- Para você que é compulsiva em comprar roupas...

Enfim queridas, a lista poderia ficar ainda maior, mas eu creio que com o que listei acima deu pra entender quem deve contratar meus serviços, certo?. 

E o que eu ganho com isso Fe? 


Autoconhecimento, autoestima, economia real no seu orçamento, elogios, credibilidade, amor próprio. É um investimento para vida meninas, para todas ás areas de sua vida, porque se você estiver se sentindo bem consigo mesma, tudo fluirá muito melhor. E eu quero e posso te ajudar neste processo.


Entre em contato, me conta o seus motivos, vamos agendar uma conversa para eu te explicar com mais detalhes como posso te ajudar com as técnicas da consultoria de imagem e estilo.

E o preço? é acessível e sim eu facilito pagamento. ;)

Aguardo seu contato!

beijo,

Fe Cardoso
contato@fecardoso.com.br

Dilemas com guarda-roupas? Saiba como revitalizar!



É preciso refletir sobre estilo pessoal, sobre como você usa o que usa e muitas vezes julga que não gosta. Sobre o porque você acha que não reflete quem você realmente é ou deseja ser. Sobre a forma que você consome. Sobre insistir em manter roupas no seu guarda-roupas que não usa mais. Sobre comprar e não usar. Tudo tem um porque implícito e se você tem jogado essa questão pra debaixo do tapete, esta na hora de procurar entender o seus porquês para então iniciar um processo de identificação do seu estilo e apresentar para o mundo a sua melhor versão.

Crescemos muitas vezes usando uniforme escolar que já poda um bom período da nossa vida a criatividade ou até mesmo a preocupação do vestir. Consegue lembrar de alguma amiga que não aceitava muito o uso do uniforme e mesmo que não podia mudar isso, ao menos dobrava a barra da calça ou fazia um nozinho na camiseta na hora da saída, só pra se sentir um pouco diferente da multidão?, porém a grande maioria seguia o fluxo, tudo igual, não é mesmo?

Várias fases influenciam no nosso estilo, a idade, a referência da mãe, da tias ou primas, da igreja que frequenta, da profissão que escolheu, o seu meio social que muitas vezes, você na tentativa de se sentir inserida, usa roupas sem muito refletir se tem a ver com você. Tem as fases de se tornar mãe e o corpo mudar e você ficar no meio sem saber se aceita o novo corpo ou se luta pra voltar o corpo de antes, mesmo que ele não tenha mudado muito. 

Essas e outras fases da vida, podem te deixar perdida e fazer você sentir que boa parte da sua vida, você não tinha nada pra vestir, que seu guarda-roupas não esta adequado, até porque você comprou várias roupas com dúvidas do caimento, da cor, do estilo, ou até mesmo se sentiu na obrigação de levar por causa daquela atendente atenciosa. Compras pela internet que não deram certo e bateu aquela preguiça de trocar e você acabou deixando de lado e até esqueceu da peça. 

Quantas vezes você insistiu em usar roupas de uma loja que não trazia bom caimento para seu corpo, e mesmo não se sentindo bem com aquela roupa, se acomodou e usou ela até acabar se odiando e se enganando dizendo que não se importava. Quando na verdade era só tentar outras marcas, outros tecidos, ter um pouco mais de paciência para buscar algo que realmente te vestisse e te fizesse sentir bem.

Como não se importar com o que vestimos? Todas as manhãs é uma das primeiras preocupações que temos, senão o fosse, sairíamos de pijama pra o trabalho não é mesmo?

Estes e muitos outros podem ser os dilemas do seu guarda-roupas. Caso você tenha se identificado com uma ou mais situações acima, as dicas que trago agora vão te ajudar tomar as rédeas e mudar esse dilema do seu guarda-roupas. 


Um das etapas da Consultoria de Estilo é revitalizar o guarda-roupas de forma a deixá-lo mais prático, com peças que realmente tenham a ver com você e com a imagem que quer refletir, de forma que se sinta muito mais confiante e com a auto-estima la encima. Perfeito, né?

Porque antes de começarmos a falar de estilo, a sair pra comprar peças novas, é preciso que trabalhemos no seu guarda-roupas, que você pratique o desapego e um autoconhecimento pra daí então investir no seu estilo pessoal com mais segurança. 

A seguir, algumas dicas para iniciarmos o processo de revitalização do guarda-roupas, talvez seja muito tranquilo para você, ou nem tanto, independente de como for, inicie comigo, te garanto que o resultado é maravilhoso.

Reserve um tempo e tire peça por peça do seu guarda-roupas e separe da seguinte forma:

1. Peças que ama (todas aquelas peças que você se sente bem usando, que faz você se sentir bonita de verdade, seja modesta ao menos uma vez, reconheça o que te cai bem)

2. Peças que precisa doar/vender (que ainda estejam em condições dê)

3. Peças pra reparo (falta um botão, precisa apertar, afroxar, fazer bainha, etc)

4. Peças pra jogar fora (aquelas bem desbotadas, com rasgos, bolinhas, rotas, please!!! desapega ou avalie se o tecido serve como pano de limpeza).

Feito essa primeira etapa, comemore, huhu você conseguiu, vai sentir um alivio, uma coisa boa, mas calma ainda estamos no começo. ;)

Vamos pra segunda etapa: 

Das peças que são pra jogar fora, já coloque em um saco preto e deixe perto da lixeira.

Das peças pra reparo, coloque em uma sacola e deixe perto da porta pra levar para costureira o quanto antes.

Das peças que vai doar/vender separe em outra sacola e deixe a vista.

Pode ser que você sinta a necessidade de um 5º grupo de peças que ainda tem dúvida, se usa, se da, porque você tem um apego sentimental com ela, algo como presentes, lembranças tudo bem, separe esse grupo de peças também mas coloque-as em outro local, para não misturar com as peças que efetivamente vão voltar pro seu guarda-roupas, ou senão tiver espaço, coloque em um saco/caixa e armazene em um cantinho do guarda-roupas.  

Feito isso, reorganize as peças no seu guarda-roupas de forma que consiga ver todas as elas, setorize, calças, blazer, saias e depois por cor também é uma ótima forma, assim ficará tudo muito mais fácil na hora de se vestir.

Acha que consegue iniciar este processo de revitalização sozinha? se sim, ótimo, senão entre em contato comigo (contato@fecardoso.com.br) e vamos agendar, será um prazer te ajudar nesta e nas demais etapas para a manutenção ou construção do seu estilo.

Seja sua melhor versão! ;)

Beijo,

Fe Cardoso   

A importância da Imagem Pessoal



Você sabia que a percepção de um indivíduo é formada em apenas 15 segundos? A chamamos de COMUNICAÇÃO NÃO VERBAL, e esta responde por 93% desta formação imediata criada por nosso cérebro em uma primeira impressão casual.
Imagem pessoal é a marca que você deixa nas pessoas, é como será lembrado – positiva ou negativamente.

Com esta definição podemos avançar na ideia de que no mundo moderno os profissionais bem sucedidos são aqueles que mantêm uma imagem pessoal positiva. Para tanto usam seu poder pessoal para conquistar seus objetivos, superar os obstáculos, vencer as barreiras e dificuldades do dia-a-dia. Constroem uma base de valor pessoal sólida. Sabem “quanto vale o seu passe”.

Agir com elegância, discrição e sobretudo, ética é um passo a mais para o sucesso.

A verdade é que hoje para ser eficiente, o marketing pessoal deve ser sutil e inteligente a começar pela aparência. Desfilar grifes, por exemplo, não faz de você um profissional respeitado. O resultado pode até ser o contrario e revelar que, na falta do que falar, você esbanja na aparência.

O que não se pode negar, no entanto, é que o primeiro julgamento é o visual, a partir do visual podemos perceber a que grupo uma pessoa pertence, se é cuidadosa ou não pelo seu penteado, se é calma ou agitada pelo modo de andar, sentar e falar, ou seja, fazemos logo um julgamento de alguém que nem conhecemos.

Se isto é correto, não sei. O que sei é que cada vez mais é importante cuidarmos da nossa imagem, porque querendo ou não seremos julgados pelo inconsciente da pessoa que nos vê.

E não importa onde estivermos, Brasil, EUA ou qualquer outro lugar, o fato é que levamos pra onde formos o nosso jeito e nossas referências.

No mercado de trabalho a imagem pessoal tem muito valor, não importa ser bonito ou feio, na verdade existe uma grande diferença entre ser bonito fisicamente e ter uma boa aparência. Uma pessoa pode possuir uma beleza física padrão e não ter uma boa imagem pessoal, o que quer dizer que ela pode usar roupas amassadas, cabelos desgrenhados, unhas mal feitas, etc. Já uma pessoa de boa aparência é aquela que pode não possuir uma beleza física padrão, mas tem um bom corte de cabelo, unhas em dia, barba bem feita e roupas em ordem.

"A sua imagem pessoal é o seu cartão de visita."

A sua imagem pessoal, não é única, ela precisa se adequar a diferentes ocasiões como ao ambiente de trabalho ou lazer, mas sem esquecer-se de você, do seu estilo, do seu gosto, a sua imagem pessoal deve estar sempre adequada e bem cuidada, ela é a embalagem do seu produto.

O seu produto é você, os seus conhecimentos, habilidades, técnicas e outras qualidades que você possui. A sua embalagem é a sua aparência, o seu visual, é a primeira informação que o outro tem de você.

É verdade que a sua imagem pessoal não lhe garante um emprego, um contrato, uma namoro ou até mesmo um casamento, pois uma embalagem sem conteúdo não tem muita força, mas sem ela dificilmente terá mais que um primeiro contato.

Por isso é muito importante estarmos sempre adequados e sabermos utilizar das ferramentas: roupas, acessórios, make-up, um pouco de cultura e conhecimentos gerais para transmitir a imagem que gostaríamos.
Fe Cardoso, Consultora de Imagem e Estilo.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Direto de Montreal, compartilho o artigo que escrevi para coluna de Moda da Revista Brazil USA - Malborough, lançada no ultimo 09 de abril de 2015. Esta é uma revista americana feita para brasileiros que vivem nos Estados Unidos. E como foi o lançamento de mais uma revista do grupo Brazil USA, achei o tema bem apropriado para abrir a sessão de Moda que falaremos mais nos próximos meses, afinal antes de seguir a moda ou saber como usar o que esta em evidência da melhor forma, temos que saber qual imagem queremos passar e antes disso saber o quanto ela é importante em todas as áreas de nossa vida.

                                             
Ilustração do meu Artigo na revista.

beijos,

Fe Cardoso

A importância da Análise de Coloração Pessoal!


Sabe aquele dia que recebemos elogios até de quem não costuma dizer nada? Provavelmente você estava vestindo uma cor que te favorece, o contrário também acontece, as vezes alguém te pergunta se você esta se sentindo bem porque parece abatida, neste dia se você não estiver fisicamente cansada é porque possivelmente estava vestindo a cor errada e passando tal impressão.

A cor influência em nosso humor e também em nossa tonalidade de pele.



Um dos processos da consultoria de imagem e estilo é a análise de coloração pessoal  para identificar quais as cores que melhor harmonizam a beleza natural de uma pessoal, ou seja, cores que chegam juntas com você e te deixam com um aspecto mais saudável, iluminado, rejuvenescido e harmonioso. 

O teste é realizado normalmente com luz natural, sem maquiagem e com um avental e toquinha de cor neutra, para não influenciar no momento em que fomos passar os tecidos no colo perto do rosto. É interessante ser de frente para um espelho para que você acompanhe o efeito das cores em sua pele.

Teste realizado, você recebe uma cartela de cores que é pra vida toda, com as cores a serem usadas em tudo que for perto do rosto, roupas, maquiagem, acessórios e coloração de cabelo.  

Primeiro nós identificamos, seu contraste pessoal que pode ser baixo, médio ou alto, depois identificamos seu subtom de pele, se frio, quente ou neutro/frio ou neutro/quente,  ainda com os tecidos entendemos a intensidade e a profundidade das cores para chegarmos ao resultado de uma das 12 cartelas das 4 estações mais se encaixa com a sua beleza. Eu sou inverno brilhante, pele neutra/fria e de médio para alto contraste, abaixo minha cartela de cores pessoal. 



Supondo que depois de fazer o teste e ter o resultado em mãos você descubra que tem cores que não te favoreçam no seu guarda-roupas, joga todas fora? Não. Você pode colocar por cima acessórios nas cores de sua cartela, um colar, uma echarpe ou até a própria maquiagem para quebrar o efeito negativo da cor que não te favorece.

Com a teoria das 12 estações, descobrimos que nem todas as pessoas ficam bem de preto ou de branco puro, mas todas podem usar por exemplo azul, mas para cada pessoa tem os melhores tons que favorecem.

A mesma coisa acontece pra coloração dos cabelos. Cada tom de pele pede uma tonalidade/temperatura que melhor harmoniza Separei as imagens abaixo pra exemplificar de uma forma simples:


Anne Hathaway, tem alto contraste (branquinha e cabelos escuros), e cabelos claros não favorecem seu tom de pele (traz uma certa palidez). Tudo bem que ela é linda e talvez você diga "ah ela fica ótima de qualquer jeito", "sim" mas notem que com cabelos escuros ela fica naturalmente mais bonita, jovial e com aparência mais saudável sem a necessidade de outros artifícios. O loiro aqui foi produzido com maquiagem, reforçado olho e sobrancelhas + vestido preto para equilibrar o contraste, porém ainda sim se percebe que o cabelo claro a deixa mais pálida e apagada.

Resumindo, a nossa imagem é o nosso cartão de visita, cada detalhe faz a diferença e a consultoria de imagem e estilo analisa os detalhes de cada pessoa para tirar proveito do melhor que cada pessoa tem em si.

Então vale a pena se informar um pouco antes de sair comprando o tal pretinho básico, pois nem sempre essa cor te favorece ou também cismar com um tom de loiro que ao invés de te deixar incrível compromete sua aparência.

Esta foi só uma prévia para vocês terem ideia de como funciona.


Espero que tenham gostado e caso queria realizar a sua análise de coloração pessoal, entre em contato, vai ser um prazer te atender.

beijo,

Fe Cardoso